segunda-feira, julho 25, 2016

"Retrospectiva" do 1º semestre através de charges

Já estamos em meados de Julho e tantas coisas aconteceram no Brasil, no mundo e em nosso cotidiano que lembrar o que aconteceu há 2, 3 meses pode tornar-se algo bem difícil. Felizmente (ou infelizmente) temos registros em diversos suportes para reavivar nossa memória - textos, vídeos, imagens. 

Rabisquei algumas charges que foram publicadas em redes sociais como Instagram ( @jaimegbr) e Facebook. Agora disponibilizo também no blog.

RETROSPECTIVA 1º SEMESTRE 

Em Salvador o ano começou com o prefeito ACM Neto fechando diversas salas de aula da Educação de Jovens e Adultos (EJA) nas escolas da rede municipal. 



O governador da Bahia, Rui Costa, não ficou atrás e fechou salas de aula em escolas da rede estadual. 


Ainda sobre Salvador, tivemos artistas recebendo cachês bastante "generosos" do governo baiano

Sobra dinheiro para festas, mas...



Falando sobre música, tivemos a partida de Ziggy Stardust, o fantástico David Bowie, para as estrelas. 

Ainda sobre música, o retorno que surpreendeu: Guns n´ Roses com Axl Rose e Slash amigos de novo, contrariando algumas expectativas negativas - minhas, inclusive.


Um retorno, porém, não aconteceu: o ET de Varginha! 


Talvez o ET de Varginha não queira mais saber deste planetinha porque tem muita gente folgada por aqui...


E também para fugir da "gourmetização" que dá o tom nestes tempos. 


Mas não tenho dúvidas que os ETs nos acham... "exóticos", digamos. 






Isso sem falar em nosso comportamento pra lá de contraditório:


Também, nossas lideranças não são mais as mesmas. 


E sobre lideranças (ou a falta delas), o que dominou o noticiário no Brasil durante o 1º semestre foi o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff. 


A votação do impeachment na Câmara dos Deputados foi algo constrangedor e notado até pela imprensa internacional.





Com a "pressão popular" em grandes manifestações "contra a corrupção"...


...e Michel Temer e o PMDB ( e o PSDB, DEM e outros partidos) com a faca e o queijo na mão... 


... o desfecho para a (ex?) presidente Dilma e o PT foram inevitáveis: 



A polarização partidária no Brasil chega a níveis inacreditáveis e assistimos a uma espécie de "Macartismo tupiniquim" que fere o bom senso. 



É claro que isso descambaria em tolices  como o projeto "Escola sem partido". 


Enquanto isso, Michel Temer assume interinamente a presidência com um discurso otimista. 


É mais ou menos como aquele velho discurso motivador do patrão: 


Contra a crise, claro, trabalhe mais...


...e promova reformas profundas nas aposentadorias ( não disseram de quem) e sistema tributário. 



Com tanta notícia deste tipo, o melhor é tirar umas férias - bem longe de tudo. 


E seguir as recomendações médicas! 


Curtir um friozinho em Salvador no inverno é uma boa. 



Até porque tentar entender a política brasileira é para poucos. 


Até tentamos consertar as coisas devolvendo o Brasil aos seus primeiros donos...


... mas vamos seguir em frente, com muito otimismo! 

  


Nem nas festas juninas temos mais sossego...


...e muito menos dinheiro! 


Precisamos de longas e demoradas férias, isso sim. 




5 comentários:

  1. Que bom que vc vai fazendo essa crônica de nossa época, diversão para vc e para quem vê.

    abraço

    ResponderExcluir
  2. Fica difícil mesmo, pior que é tanta coisa ruim que nosso cérebro tem até preguiça e medo de processar. O Brasil precisa de tratamento com urgência... O que tem de sala de escola fechando não é brincadeira. Aqui no ES também esta acontecendo. Esse Governo é uma piada, sobra dinheiro pra festas, enquanto os salários dos professores é uma merreca. Apesar de ser uma profissão admirada, o piso salarial no Brasil, ainda é inferior ao de tantas outras profissões. O que chega a desanimar as pessoas que sonham em seguir essa carreira. Além de baixos salários, muitos professores da rede pública costuma lidar com condições ruins de trabalho. Os professores merecem todo respeito e valorização. Na minha família tem alguns professores.
    A votação do impeachment foi uma piada mesmo. Tinha deputado votando pra família, outra para o marido. Parecia programa da xuxa mandando beijinho pra todo mundo. Vamos ver no próximo mês o que vai acontecer. Estamos mesmo é ferrado, com essa volta do imposto sobre a movimentação financeira, a CPMF. Eles roubam e somos nós que temos que pagar a conta. Com Dilma, ou sem Dilma a coisa ta braba...A única coisa é não desistir, seguir em frente com fé e otimismo, se não a vaca vai pro brejo rsrs.
    Amei as charges, todas são muito criativas. A do ET é muito boa. Parabéns por esse teu talento magnifico que é o desenho.

    Excelentes postagens Jaime!
    Adorei te ver por lá. Não some vice?
    Ótima semana!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Adoro suas charges, Jaime. Parabéns pela arte, por resumir o semestre brabo! Beijão, querido. Dalva

    ResponderExcluir
  4. Também adoro as suas charges, Jaime. Tu és muito criativo. Além de conseguir transmitir muito bem a situação, o humor não vai além nem fica aquém, ou seja, na medida certa.
    Ótima semana. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  5. Adorei suas charges Jaime, resumem bem esses loucamente atípicos meses, principalmente nossa caótica e hipócrita política (não tão atípica). Enfim, certos foram os ETs que fizeram um pit stop aqui e não ficaram pra conversa. Abs.

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita e o seu comentário! É sempre bom receber o retorno dos leitores.

Todas as opiniões são livres, porém não serão aceitos comentários anônimos e tampouco comentários ofensivos, discriminatórios e que não prezam pelos princípios da boa convivência - o autor do blog reserva a si o direito de excluir comentários com tais temas.

Volte sempre! =)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails