domingo, abril 26, 2009

Querido diário...


Querido diário: hoje acordei, escovei os dentes e fiquei feliz porque a chuva parou e o sol finalmente deu as caras em Salvador e também...

Não. Não é isso. Vou começar meu “querido diário” de outra forma. Deixe-me ver...já sei:

Querido diário: hoje acordei com uma dolorosa missão a cumprir. Finalmente consegui entender o formulário simplificado do Imposto de Renda e irei alegremente ao banco cumprir meu dever de cidadão para auxiliar no programa de milhas da câmara dos deputados e senado brasileiro. Eu realmente me orgulho disso, de forma que...

Também não. Tá muito chato falar sobre isso novamente e todo mundo enjoou sobre este assunto. E falar em imposto de renda é doloroso, mesmo sabendo que o governo adora, afinal o dinheiro será utilizado em projetos relevantes para a população. Mas como é difícil escrever um diário! Achei que fosse mais simples. Ah, já sei! Começarei assim:

Querido diário: Lula é o cara mesmo! Depois de ser elogiado pelo Barack Obama, aparecer no South Park e anunciar que terá um blog e conta no Twitter, agora anda trocando correspondências com o Bono Vox, aquele vocalista de uma banda chamada U2. E o Bono elogiou o presidente, chamando-o de “campeão dos pobres”. Acho que o Lula até aprendeu a cantar aquela musiquinha “it’s a beautiful day cumpanhero”. Lula é pop!

Ainda continua ruim. Não está ao nível de um querido diário. Deixe-me ver...posso falar do almoço de hoje. Não, não quero que os meus leitores peçam a receita secreta do Miojo Galinha Caipira e Tang Uva, nada disso. Ah, já sei, agora vai:

Querido diário: fui à Bienal do Livro da Bahia. Um evento cultural é sempre interessante de se frequentar, mas a Bienal precisa ser repensada para tornar-se mais relevante e atrativa. Há pouca ou quase nenhuma diferença das edições anteriores, se bem que deram uma melhorada nos espaços destinados a entrevistas e bate-papo com autores. (foi bacana o espaço dos cordelistas - sempre ótimos - e a Arena Jovem. Ponto para a organização.) Mas uma Bienal em que os preços dos (bons) livros são rigorosamente os mesmos praticados pelas livrarias da cidade não motiva tanto os soteropolitanos.

Mas, como dizia um amigo, Bienal não é lugar pra comprar livros, é lugar pra trocar uma ideia com escritores. Então tá. Bati um papo bem legal com o Antônio Cedraz, criador das geniais tirinhas da “Turma do Xaxado”. Gosto muito da simpatia e da humildade do Cedraz, que também faz um trabalho bacana em várias escolas. Deu até umas dicas de desenho e incentivou este tosco blogueiro que rabisca de vez em quando uma bobagem ou outra. ( sim, estas charges mal feitas que vocês encontram por aqui são de autoria grootesca) A Bienal já teria valido a pena somente por este bate papo. Parabéns ao Cedraz!

Outra coisa que me animou muito na Bienal: fuçando aqui e ali nos estandes (e achando uma edição jóia do Homem-Aranha por uma pechincha) encontrei um livro sensacional: “Meu sonho é cidadania”, do José Luiz Datena. Sim, ele mesmo, o Datena, pô! Cadê as imagem, cadê as imagem, pô! O livro tem poesias, umas crônicas e fotos, muitas fotos do “povão” e da periferia. Isso me animou: se a Karina Bacchi e o Datena podem lançar um livro, por que eu não posso lançar um livro também?( nem que seja pela janela) Talvez seja a parte mais difícil, afinal já plantei árvores mas ainda não tenho filhos, embora isso não seja tão complicado – basta eu ganhar na mega sena ou virar presidente do Paraguai e deverão surgir alguns rebentos aqui e ali, nunca se sabe.

Ainda na Bienal. Havia um estande bem interessante por lá e que me chamou a atenção: “Saiba como anda seu stress”. Até pensei mesmo em “medir meu stress” da mesma forma como se “mede a pressão” nas farmácias, só que olhando melhor para o estande, vi que era de uma editora que representava o L. Ron Hubbard. Quem? Já ouviu falar da cientologia, aquela religião um tanto assim...hã..."não convencional" frequentada por astros de Hollywood como Tom Cruise, Jennnifer Lopez e John Travolta? Pois é. Além do mais, a moça que estava “medindo o stress” dos visitantes parecia que estava era hipnotizando as pessoas. Sei lá se sou paranóico, mas não quis saber da representante do Hubbard, não...

Ah, agora, sim, isso está parecendo um querido diário. Melhorou bastante!

- Mas Groo, ficou sem foco, tem um monte de assuntos aí! Você vai postar isso no blog? Vai arruinar sua reputação!

Vou, ora! Um blog não é um diário pessoal? Então! Os meus compreensivos 5 ou 6 leitores podem escolher o tema que mais se identificarem e comentar. Eu nem sabia que tinha reputação...agora, fica quieto e me deixa assistir o vídeo do Joaquinzão detonando o Gilmar Dantas Mendes! Dá-lhe Barbosão!

24 comentários:

  1. Não fui a Bienal em nenhuma das edições, gostaria muito de ter ido, mas ninguém pra ir comigo...:( As pessoas preferem ir a SSA pra ver praia, sol...outras coisas. Mas no dia em que eu tiver um carro vou ter liberdade pra fazer o q eu quiser! heheh! Desabafei! E espero ter por lá livros mais baratos...pq cá pra nós...Os preços dos bons livros estão cada vez mais um absurdo!!
    Tbm tô pensando em escrever um livro, todo mundo tá fazendo...As histórias da famosa baixista da Endometriose...kkkk! Só rindo viu!
    Ótimo post Groee!! Adorei!

    ResponderExcluir
  2. Olá, moço!
    Nossa, nem fale desse solzinho aqui da Bahia... Bom, hein! É certo, que gosto de um tempinho mais frio, mas sem muita chuva...

    Mas enfim, sobre a Bienal, nunca fui, mas gostaria de ir. É complicado mesmo o preço dos livros, e eu que sou viciada em livros, não iria gostar se não comprasse pelo menos alguns...Algumas pessoas me disseram que melhorou bastante a Bienal, porque antes parecia o Feiraguai, vc conhece o Feiraguai? [rs]

    Então, sobre Lula, nossa Lula é pop realmente! Sabe, não adianta, o povo tem uma simpatia nervosa por Lula... Será que é contagiosa?


    Saudações
    =)

    ResponderExcluir
  3. Depois de uma ida na bienal o seu querido diário ficou recheado!

    ResponderExcluir
  4. É, meu caro Groo... IR é mesmo um saco! Fico pau da vida nessa época ! Ralo pra cacete 365 dias por ano e ainda tenho que declarar renda... Que renda, se o salário termina e ainda sobra dias no calendário? Mas, escreve o que te digo, um dia eu chego lá! Quem sabe ainda não me torno deputado federal...? Já pensou? O orgulho da família!

    E o Lula então? Até no Twitter o cara vai se aventurar? Caraca, eu acho um saco essa história de Twitter... Agora, imagina o Lulinha twittando?!? Rsrsrsrs!!!

    Vem cá: essa história do Datena escritor é verdade mesmo? Da Karina Bacchi eu já sabia, se bem que a prefiro de outra forma... Mas deixa pra lá! Não conferi os escritos da moça. De repente ela tem talento, né(mas mesmo assim prefiro seus peitos...)?

    Já pensou, você cientologista? É assim que se fala, cientologista? Putz, tu taria bem acompanhado... Tom Cruise, JLo, Travolta... e o grande Groo! Rsrsrsrs!

    Ah, já ia esquecendo: depois me passa a receita do Miojo... Tu é casado, cara? Se não, tá precisando casar... ou contratar uma cozinheira... KKKKKKKKKKKKKKK!!!!!!

    Abração e bom domingo, irmão!

    ResponderExcluir
  5. Saber que o Datena escreveu poesia foi algo chocante!!!
    Esse fds tbm vi um programa em que ele apresentava, sobre uma praia maravilhosa da Bahia.
    Achei que ele só falasse de desgraça!
    Coisas legais não combinaram com o tom de voz dele,rs!

    ADORO ir pra Bienais.

    Beijão!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  6. ALÉM DE BÃO DEMAIS COM AS PALAVRAS DESCOBRI MAIS ESSE TALENTO (O DAS CHARGES). PARABÉNS, MEU CARO. SEU BLOG CONTINUA CADA DIA MELHOR. PAZ E BEM.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns! vc tem um senso de humor invejavel, se não fosse o humor, não me surpreenderia se acontecesse um suicídio coletivo brasileiro, rs.

    Ótima forma de informar, satirizar, criticar e denunciar, é isso aí

    beijos

    ResponderExcluir
  8. A Bienal aqui de São Paulo é um caos! Tanta gente e tanta coisa que você acaba não aproveitando nada. Esperei tanto pela do ano passado e acabei saindo de mãos vazias. Então estou com inveja, rs. Quer saber? Vou assistir aquele vídeo de "Como fazer um barraco grã-fino" também! ;)

    ResponderExcluir
  9. hauhueuaehueuaeaeuuae
    Rpz tava cheio de assunto hein!
    Perdi a Bienal, queria muito ter ido!
    Agora deixa para a proxima...
    Lula ta com moral mesmo ta pensando o que, como bom brasileiro que vem de baixo ainda se faz simpatia...!
    Pelo menos...

    ResponderExcluir
  10. Ja fui a bienal, ja plantei uma arvore e adoro seus posts!

    ah miojo galinha caipira e qualquer tang são os melhores!

    ResponderExcluir
  11. Escolher leituras é uma coisa tão distante de feira de béxteçelers... Não tenho muita paciência, não... Prefiro visitar a Livraira Cultura (indo à Sampa, ou pela Internet), ou a Leonardo Da Vinci aqui...
    Morri de rir, lendo, para variar; já falei para o meu marido (que é comediante) que do seu BLOG ele vai gostar...
    Se puder, volte rapidinho no Ricardo, e veja meu comentário; ia adorar saber o que você acharia do que botei lá...
    BJS!

    ResponderExcluir
  12. Nossa, que blog diferente! Com muito humor e muito inteligente também. Nunca tinha visto nada parecido. Parabéns.


    :D

    ResponderExcluir
  13. A bienal do Rio é muito maneira. Teve uma que veio o Neil Gaiman! Neil Gaiman cara!!!! Eu participei no Salão de Leitura em Niterói. Fiz um livro interativo com um viés pedagógico usando o power point, acredita? Era uma aventura, as crianças se amarraram. leram tudo e faziam todos os caminhos possíveis. Achei ótimo. Fiquei orgulhoso. rs Preparei uma oficina de como escrever contos, enfim, foi muito bacana. E quem tava lá. O ariano suassuna. O cara é hilário! Ri muito com ele, pena que não pude entrevistá-lo. rs

    E deixe de bobeira, quem disse que precisamos ter foco? O texto bom é assim que fala de tudo e não se compromete com nada... Eu não estou me comprometendo ultimamente. rs

    E só mais uma vez (já deve ser o 10º blog que eu falo isso) TOMA GILMAR!!!!!!!!!!!!!!!

    Valeu, Groo. Abração cara!

    ResponderExcluir
  14. Nossa...
    vc tb faz posts longos!
    pensei que fosse só eu!
    kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  15. Olha, eu tava gostando da chuva. Na verdade, da ausência do sol. Porque o calor daqui é de matar...

    Quanto à Bienal, concordo. Realmente os preços deveriam ser mais abaixo do de tabela. Não precisava um desconto de 50%, mas também vender no preço convencional não é estímulo nenhum. Ainda assim comprei um romance de 3 reais, com o vale-livro que recebi :D

    ResponderExcluir
  16. Oi, Groo! Adorei seus rabiscos... rs
    E adorei saber que é você quem faz as charges desse blog! Muito legal, você é um menino de talento!
    Lance um livro sim, e não precisa ser pela janela... rs Seus "parcos" leitores irão adorar!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Nem é importante, mesmo!
    Sobre os 94% que são importantes, está nas estatísticas que reuni em 2003, para o primeiro trabalho que fiz sobre homens.É tão impressionante que não esqueci, e cito frequentemente.
    Vou lá no texto original, e vejo; deve ter a referência (espero); achando, te mando, ok?
    Eu disse que a metade desses 94% tem menos de 30 anos, aliás?
    BJS!

    ResponderExcluir
  18. HAHAHHAHAHA

    como gostei do texto adorei a parte cientologia, aquela religião um tanto assim...hã..."não convencional"

    GENTE COMO EU ESTOU ANSIOSO PELA BIENAL SIMPLESMENTE AMO ;D

    ResponderExcluir
  19. O Lula é Pop \o/

    http://hadoukenews.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. hehahehae... mto bom o post, como sempre. Eu, realmente, não sabia que os desenhos daqui eram seus mesmo! Cara! O presidente Mula e o Bono estão mto bons!!!

    Nunca fui a uma só Bienal! Mas, pô! Agora, sabendo que um cara como Antônio Cedraz também aparece por lá, vou dar um jeito de aparecer um dia, hehehehe

    Já lancei vários livros... pela janela, hehehe. Sou concurseiro! É uma vida foda, hehehehe

    Abraços o/

    ResponderExcluir
  21. ACHEI!....
    Foi numa pesquisa da UNESCO BR que sairam esses dados, em 2003.
    Assim, é uma das fontes que você pode tentar consultar.
    Será que esses dados sofreram alguma alteração tão grande assim em 6 anos?...
    Well, você me deve um acarajé, pois desci os originais do alto do armário para refrescar minha idosa memória... rsrsrsrrss
    BJS!

    ResponderExcluir
  22. Groo, cumpadi. Que coisa é a vida do professor. Eu sei como é esse tipo de coisa. Ainda acontece até mesmo na faculdade. Ah! só pra esclarecer. A definição que vc se referiu era minha mesmo e não do meu professor. rsrs É, eu de vez em quando (muitíssimo de vez em quando) penso. rsrs

    Valeu!!!

    ResponderExcluir
  23. Tu é hilário, Groo. rsrs Só rindo com vc. Que mané doutor. E vc não se preocupe em ler com atenção ou não. O meu blog não tem nada de sério mesmo rsrsrs

    Abração e vê se descansa porque tu precisa dormir, homem!

    Valeu!

    ResponderExcluir
  24. Olá!

    Tem certeza, mesmo, do fundo do seu coraçãozinho, que os leitores podem comentar qualquer parte de sua postagem?

    Ok.

    Vejamos... acho que vou falar de um dos trechos daquela frase sábia "Plantar uma árvore, escrever um livro e..."

    Ahha!!!

    Suou frio agora, né?

    kkkkkkkkk...

    Nem sei qual parte eu comento. Tudo é tão pertinente, acho que falar "um cadim" de cada.

    Pois bem. Os engravatados ficam por aí usando o dinheiro suado que eu, você e tantos brasileiros pagam de impostos para limpar os respectivos C*. Isso fere meus sentimentos e... não, deixa para lá, esse assunto já está batido.

    Vamos falar da Bienal, né? rs...

    Estamos com um problema sério de organização de eventos no país.

    Às vezes a disposição de stands é até bacaninha, mas falta um 'Q' a mais. E como é que se deixa este 'Q' diferencial de fora de um evento que envolve livros, hum? rs...

    Essa bienal, por um acaso, é de livros só com figuras? aff ¬¬

    Vamos renovar a fórmula meu povo.

    É por pensar que 'em time que está ganhando, não se mexe' que as coisas caem na mesmice e passam a ser comuns ao extremo.

    Kiso...kiso...kiso!

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita e o seu comentário! É sempre bom receber o retorno dos leitores.

Todas as opiniões são livres, porém não serão aceitos comentários anônimos e tampouco comentários ofensivos, discriminatórios e que não prezam pelos princípios da boa convivência - o autor do blog reserva a si o direito de excluir comentários com tais temas.

Volte sempre! =)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails