terça-feira, novembro 15, 2005

O poder da fé!


Vive la france!

A cena ocorreu num ônibus que tomava o caminho pro sertão baiano. Conto aqui como ouvi.
Todo mundo embarcou e mal o ônibus saiu da Rodoviária a mulher levantou e começou a falar alto:
- Que Jesus nos abençoe nessa viagem e que Deus mande seus anjos para proteger este ônibus nestas estradas.
Algumas pessoas ainda balbuciaram um “amém’.
Mas a mulher continuou, em pé:
- Pois só Jesus é a vida, só Jesus salva, só Jesus cura, só Jesus tem poder pra mudar nossa vida!
E continuou falando, falando bem alto, enquanto os demais passageiros ficavam quietos. Alguns resmungavam, outros fingiam dormir...ninguém queria dar trela à senhora que pregava. Mas ela continuava:
- Pois é como tá escrito em Mateus, capítulo tal, versículo tal: Nem só de pão viverá o homem mas também da palavra de Jesus, nosso guia e blá-blá-blá.
Nisso, uma médica (pelo que se soube depois) levantou-se e foi até o motorista. Falou algo e voltou para seu lugar. Tinha um ar cansado e olhos miúdos. Parecia sonolenta.
Na primeira parada, todos desceram e o que se viu foi o motorista conversando com a senhora pregadora. Após o tempo estipulado, todos os passageiros embarcaram e o ônibus partiu. A senhora pregadora sentou-se no seu lugar e ali permaneceu, quieta. Mas só os primeiros quilômetros, pois recomeçou:
Ai de ti, doutores e doutoras que distorcem a palavra do senhor e não seguem seus mandamentos e blá-blá-blá...
Ou seja, uma indireta à médica que estava sentada lá nas primeiras cadeiras. A doutora ficou quieta. E a senhora prosseguiu:
-Tem gente que fica aí na ciência o tempo todo, como que se a ciência salvasse vidas, mas só Jesus que salva, que cura! Quem não crê em Jesus e segue outros caminhos que não Jesus é de Satanás!
Nisso, a médica levantou-se e, muito calmamente, disse a senhora:
- Olha, minha senhora...não tenho nada contra religiões, quem quiser siga sua fé como o coração mandar. Mas a senhora não pode querer impor sua religião ou seu ponto de vista para outras pessoas. Por favor, seja compreensiva, eu pedi ao motorista que chamasse sua atenção porque sou plantonista, estou indo para outra cidade e não dormi esta noite, e ainda faltam 3 horas de viagem...
Mas a senhora nem quis saber:
Não despreze a palavra de Deus que nos deu seu filho para nos salvar e blá-blá-blá.
Outras pessoas no ônibus saíram em defesa da...pregadora:
Deixa, doutora...pelo menos ela tá falando de uma coisa boa, que é de Deus...
Deixa a mulher! Não tá fazendo mal nenhum.
Vendo que o pedido tinha sido em vão, a médica sentou-se resignada em seu lugar. E dona pregadora continuou:
Ai daqueles que desprezam Jesus e blá-blá-blá
A coisa piorou quando outra mulher juntou-se a senhora pregadora e começaram a discutir passagens bíblicas em um tom de voz elevado. O motorista pediu às senhoras para que “maneirassem” na voz. Nada feito. Até um dos passageiros gritou lá do fundo:
-Até você, motorista?
Era uma revolução! Qualquer ato de reprovação desencadearia uma insurreição, talvez?
E o ônibus seguiu até a próxima parada,um pequeno povoado perdido no sertão. A médica pegou suas coisas e desceu ai mesmo. Não era ali que desceria, pelo jeito, mas ela foi vista conversando com o motorista e um fiscal da empresa de ônibus. O fato é que após a parada a doutora não estava mais no ônibus e nem motorista e sequer fiscal ousaram falar algo a senhora pregadora, que seguiu por mais 2 horas pregando sobre Jesus e angariando novos fiéis para a sua igreja - até o momento em que ela finalmente cansou.

MORAL DA HISTÓRIA: Só Cristo salva...mas deve ficar surdinho,surdinho...

O PODER DA FÉ II

Faustão recomendou a estudantes de todos os níveis, professores, intelectuais e a toda a população a leitura da revista “Almanaque do Fantástico”, por tratar-se de um publicação “obrigatória e indispensável” para manter-se bem informado.

Hmmm...será que aborda como a Globo tratou as eleições de 1989, no debate Collor x Lula? Será que aborda a “festinha” das diretas já em 1984? Será que teremos ali uma reportagem para esclarecer de uma vez todas quanto a Globo deve para a União?

E o mais importante: É verdade que Roberto Marinho morreu mesmo em 2000 e que estavam escondendo este tempo todo? (teoria da conspiração - adoro!)

Se tiver tudo isso, eu compro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço sua visita e o seu comentário! É sempre bom receber o retorno dos leitores.

Todas as opiniões são livres, porém não serão aceitos comentários anônimos e tampouco comentários ofensivos, discriminatórios e que não prezam pelos princípios da boa convivência - o autor do blog reserva a si o direito de excluir comentários com tais temas.

Volte sempre! =)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...