segunda-feira, maio 04, 2009

Será que o Comitê Olímpico Internacional cai nessa?

outra "arte" grotesca do autor do blog. Quer ver isso aí em tamanho maior? Clique na imagem.

Vejam só como a prefeitura e o governo do Rio de Janeiro pretendem sediar os jogos olímpicos de 2016:

Uma ação da prefeitura do Rio de Janeiro, tendo em vista a passagem da comissão de avaliação do Comitê Olímpico Internacional na cidade, recolheu os sem-teto da trajetória da visita.

O comitê organizador da candidatura carioca à Olimpíada de 2016 apresentou à Comissão de Avaliação do COI um filmete de cinco minutos e fotografias aéreas que mostram um Rio de Janeiro sem favelas nas áreas vizinhas aos locais em que as competições serão disputadas, caso a cidade seja escolhida.

Como é mesmo aquele velho ditado? O que os olhos não vêem o coração não sente. Esse tipo de coisa me faz lembrar até os velhos processos de eugenia que tentaram praticar em alguns países (inclusive no Brasil) em busca da “purificação” da população. Os pobres, os negros, os indigentes, os sem-teto, as favelas só servem mesmo para incomodar.

Tudo bem, tudo bem: eu sou ingênuo e o que conta mesmo é o marketing positivo, o negócio é impressionar o COI (Comitê Olímpico Internacional) para que escolham o Rio de Janeiro como sede das olimpíadas e que todas as cidades do mundo fazem a mesma coisa, ou seja, empurram a “sujeira” pra debaixo do tapete.

Acontece que os jogos ocorrerão em um período de 1 mês e depois os atletas e delegações dos países irão embora. E a população permanecerá - ao menos aqueles que sobreviverem à guerra civil não declarada no Brasil. A maquiagem será feita, mas as favelas dominadas por traficantes e milícias continuarão no mesmo lugar ( e não adianta a Globo utilizar “novos ângulos de cenas” da cidade maravilhosa nas novelas do Manoel “Leblon” Carlos) e os sem-teto continuarão nas ruas, porque neste país a prioridade é manter privilégio de verbas para deputados inúteis viajarem com suas amantes, e não educação e moradia, dois detalhezinhos à toa, eita povinho que reclama!

Na época dos jogos Pan-Americanos foi a mesma ladainha: que os tais jogos ( equivalente a uma “terceira divisão” do esporte mundial) seriam um “marco” para o Rio de Janeiro, que o legado à cidade seria inestimável, que o esporte seria incentivado e poderíamos ser finalmente uma potência esportiva e blá-blá-blá. A estrutura física está lá, o Engenhão (todo pichado recebeu uma “pintura de última hora”), o complexo aquático Maria Lencke ( terão que construir outro?), o velódromo... mas há políticas públicas de incentivo ao esporte? Existe ao menos educação física nas escolas e quadras disponíveis? Qual foi o verdadeiro legado que os jogos pan-americanos deixaram ao Rio de Janeiro e à sua população? Terá sido, de fato, uma enganação?

Peço que algum leitor carioca deste humilde blog tenha a paciência de responder a estas questões ( só não vale dizer que o legado foi o rombo nos cofres públicos, pois isso já é “comum” no Brasil). Talvez assim eu me convença de que a maquiagem é realmente necessária. Só não pode chover.

19 comentários:

  1. É o PAN, a cidade da música, a copa do mundo, as olimpíadas... gastamos tudo pra reformar a sala de visitas, mas a despensa continua magra. Ciclo vicioso. Enquanto não tivermos uma educação de qualidade, insistiremos em eleger o candidato pelo carisma.

    http://letraetela.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. rapá..ce vc acha isso ruim.. quando o papa veio aqui no ES nos anos 90. o governo destruiu num sei quantas casas que lógico eram de pessoas pobres, só para o papa ter onde falar ao povo..e trazer boas novas..pqp.. é sempre assim..pegam os problemas e jogam para de baixo do tapete, como se tivesse resolvido.. apenas esquecem que eles existem e apertamo foda-se para os menos favorecidos

    ResponderExcluir
  3. ótima a tirinha :P
    asuhahushuahusauhs

    você desenha muito bem, mas indo ao assunto do post, cara é sempre assim e sempre vai ser.
    O governo maquiando, mascarando, os verdadeiros problemas do Brasil, só pra conseguir trazer uma graninha a mais..

    primeiro o dinheiro depois os problemas
    sem o dinheiro nao podemos resolver os problemas

    mas daonde sai toda a grana pra fazer uma vila olimpica por exemplo?
    caralho velho, fica foda assim :/
    ótimo post.


    se quiser dar uma passada no meu
    http://degaragemcast.blogspot.com
    fala sobre bandas novas

    ResponderExcluir
  4. sahasuashsahusaa cara realmente não só o Pan, Olimpiadas, mas tbem a Copa do mundo. Todos esses grandes eventos mundiais aki no nosso querido país sempre dá merda !! Infelizmente

    Ass: Habib Sarquis - Blog: Cultura Dinâmica

    ResponderExcluir
  5. Tudo bem, tudo bem: eu sou ingênuo e o que conta mesmo é o marketing positivo, o negócio é impressionar o COI (Comitê Olímpico Internacional) para que escolham o Rio de Janeiro como sede das olimpíadas e que todas as cidades do mundo fazem a mesma coisa, ou seja, empurram a “sujeira” pra debaixo do tapete. A MAIS PURA VERDADE,A SOCIEDADE DE HOJE SE VICIOU EM FAZER ISSO: EMPURRAR A SUJEIRA PARA DEBAIXO DO TAPETE...EU ACHO QUE NÓS ESTAMOS PERDIDOS.

    ResponderExcluir
  6. Sinceramente eu acho que o Brasil vai conseguir realizar essa olimpiadas (finalmente a múmia do Carlos Nuzman conseguirá) o que vejo é a população caindo em cima e criticando essa ideia, mas na hora tds presenciam, o que deveria ocorrer é um boicote mas.... estamos no Brasil é querer demais.

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    COI? Parece até uma onomatopéia para um dos sons que o porco emite (junto com oinc e tantos outros), rs... =^.^=

    Falando em sons de porco, vamos colocar estes gringos de quarentena na favela, quero ver até quando esta farsa vai durar!

    aiaiai... sonho meu, sonho meu!

    Nunca coloquei a planta dos pés pelo Rio, então, não sei se eu seria a melhor pessoa para responder ao teu questionamento. O fato é que, para esconder um grande defeito, há que se recorrer a muita maquiagem e outros procedimentos cirúrgicos. Temo que após a passagem do COI-COI-OINC-OINC, o Rio fique com a cara mais feia que a de Elza Soares e Michael Jackson juntos.

    Nem quero ver no que isso vai dar.

    AFF³... ¬¬

    Kiso.

    Ps.: Conversar contigo é algo sublime!

    ResponderExcluir
  8. Tem um selo para você no meu blog! Espero que goste!
    Abs.

    http://sarapateldecoruja.blogspot.com/2009/05/varios-selos-de-uma-so-vez.html

    ResponderExcluir
  9. Se a FIFA tivesse qualquer outra opção não faria a Copa aqui no Brasil, imagina se o COI com opções como Madrid e Chicago vai se deixar levar. Eles só vieram aqui pra ver algumas mulatas peladas.

    ResponderExcluir
  10. Pois é, infelizmente, a beleza natural do Rio não ofusca o bastante as mazelas da cidade.
    O governo não faz o que deve ser feito, mas quer mostrar uma imagem perfeita, lá fora. E, é claro, que os desguarnecidos é que levam a pior. Muito fáceis de ser escondidos, ao menos por um mês ou mais, são empurrados para baixo do tapete e sufocados com os pés dos anfitriões demagogos.
    Nojo!

    Eu não sou carioca, mas falo como brasileira.

    Beijos, Groo.

    ResponderExcluir
  11. Olá!!!

    Infelizmente, as coisas aqui no Brasil funcionam de uma maneira única! Existe toda uma fachada para encobrir as desigualdades sociais do país e não se dá a importância devida ao esporte (eu não disse ao futebol!... rs). A educação, então, coitada... Ainda não é vista como prioridade num país com uma parcela imensa da população sendo analfabeta. "Isto é incrível"!

    Beijos, ótimo post!

    ResponderExcluir
  12. Groo, cumpadi... rs Olha, eu sou do Rio, mas exatamente do outro lado da poça, mas conta tudo como uma coisa só nesse caso. Os gastos realmente foram imensos com o PAN e nem sequer tudo foi cumprido pela prefeitura do Rio, a antiga gestão do imperador César maia. As Olimpíadas é um sonho do Rio há anos. Acho que é possível sim no alto do meu otimismo. Um evento como esse traz como consequência um legado de bons investimentos e empregos indiretos. O problema é que o dinheiro vindo do turismo que seria proporcionado é desviado sempre. O PAN deveria ter deixado algo bom, algo positivo, mas o mais positivo que teve foram os computadores das casas Bahia. Bem, as olímpiadas e a copa do mundo com certeza trariam muitas coisas pra cá, mas o problema é quem gere a cidade e o Estado. Eles é que não deixam a parada andar.

    Eu acho que nós queremos dominar o mundo rsrs O Rio vai transbordar caso tudo o que planejamos aconteça, mas como o Rio sempre foi culturalmente a porta de entrada dos turistas e também da política brasileira (desde a colônia), então acho que conseguiremos dar conta. O problema é quando o dinheiro sumir. E em se tratando dos mendigos... (eu sei que deveria falar com um viés antropológico e sociológico) mas, é o principio do marketing. COmo vender algum produto com embalagem feia?

    Valeu!!!

    PS: consegui comentar aqui agora rsrs

    ResponderExcluir
  13. Oi querido! eu que te peço mil desculpas, andei sumida sim, andei mal pra caramba, mas aos poucos recupero o fôlego e a vida volta a sua habitual certeza de que ainda é melhor manter o sorriso no rosto.
    Adorei seu post, como sempre, a charge tá mt engraçada, heheh
    E na minha opinião é quase loucura essa candidatura do Rio às olimpíadas, um evento gigantesco, que envolve varios países e o mundo como todo.Uma cidade em que bandido se mistura com polícia e vice-versa, onde traficante dita as regras e a população torce pra não levar uma bala perdida. Sei que existe certo exagero da mídia, mas onde há fogo há fumaça.
    Mas vamos ver no que vai dar.
    Bjos anjo, até mais!

    ResponderExcluir
  14. Pode chover! Ouvi dizer que haverá licitação para "telhar" o Maracanã, o Cristo, a Urca inteira!
    É. O povo não está nem aí, essa é a verdade para toda discrepância que nos enfiam pela bunda todos os dias no café da manhã.

    ResponderExcluir
  15. Os pobres mendigos estão fadados a serem mendigos sempre ao que parece! XP O Rio é um lugar bacana para realizar os jogos mas como sou muito fã do Nippon não acho mal que fosse em Tokyo. Mas, acho que os pobres deveriam ter oportunidade de evoluir com isso também! Seria bom que das universidades particem ideias interessantes para melhorar a classe pobre e miserável para uma classe média e instruida! Pobres são só no bolso pois com insentivo podem ser apoio para a economia. =/

    Abraços!

    http://neowellblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  16. Groo meu prezado amigo!!!

    Não vou usar este teu rico espaço para dar detalhe, só quero agradecer suas participações no meu humilde espaço. Minha crise que não é econômica e nem a suína esta passado, é possivel que eu aparecerei por aqui com mais frequência me deliciar de suas "tiradas" fantásticas como esta que acaba de postar.

    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Você vai encontrar respostas pragmáticas de todas a nuances ideológicas. Mas sempre no pragmatismo imediato. Econmicamente, dirão que trará dólares, que serão criados espaços para esportes, etc (mas o povo continuará excluído); socialmente dirão que haverá diminuição da violência, que ocupará muita gente trabalhando nos dias do evento, etc ( e o povo continuará excluido); politicamente dirão que o Brasil pode até se igualar às potências mundiais ( e o povo continuará excuído), esportivamente (difícil) mas vão lhe dizer que o Brasil vai ter possibilidade de subir no ranking mundial dos esporte especializados ( e o povo continuará excluído). Eu vou lhe apresentar um argumento filosófico: Desde o império romano ainda prevalece o pão e o circo. (essa é do meu alter ego Arcanjo Isabelito Salustiano, O Otimista). Paz e bem.

    ResponderExcluir
  18. Jaime,
    o impressionante e revoltante é que todo esse "legado" deixado pelos jogos vem a custas de vultosas somas de dinheiro. O que se justificaria, caso esse "legado" fosse real e benéfico na prática para a sociedade, o que tem se visto é um monte de entulho deixado pelo Pan. O investido parece não ter gerado os frutos esperados para a sociedade.

    ResponderExcluir
  19. Apenas um comentário extra:
    Por que o moderníssimo estádio João Havelange(mais conhecido como Engenhão) não faz jus a seu título e aos investimentos nele aplicados e se torna estádio para ser usado na Copa do Mundo de 2010?

    Quais os interesses obscuros que estão por trás disso?

    Será que há a intenção de se proporcionar um legado ainda maior para o povo brasileiro? Só pode ser, não? É triste.

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita e o seu comentário! É sempre bom receber o retorno dos leitores.

Todas as opiniões são livres, porém não serão aceitos comentários anônimos e tampouco comentários ofensivos, discriminatórios e que não prezam pelos princípios da boa convivência - o autor do blog reserva a si o direito de excluir comentários com tais temas.

Volte sempre! =)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails