segunda-feira, outubro 20, 2008

A atuação da imprensa em Santo André ( Eloá) e a blindagem ao governo

Ninguém deve dar conta oficialmente do que pensa. Em troca, todos são encerrados, do começo ao fim, em um sistema de instituições e relações que forma um instrumento hipersensível de controle social. Quem não quiser soçobrar deve não se mostrar muito leve na balança do sistema. Adorno

Quem assistiu ao Fantástico neste domingo viu uma matéria com um brasileiro especialista em segurança responsável pelo treinamento de equipes da SWAT.


Uma afirmação forte do instrutor dizendo que “sentia vergonha de ser brasileiro” ao ver a ação desastrada da polícia mostrou a indignação do especialista com os métodos utilizados pelo GATE. E sugeriu algumas alternativas que poderiam ser utilizadas para solucionar um seqüestro que durou mais de 100 horas.

No entanto as alternativas sugeridas pelo instrutor para um resgate bem-sucedido esbarrariam em um detalhe: a cobertura irresponsável e circense da grande mídia/ imprensa.

Qualquer ação que fosse tomada pela polícia, lá estava uma câmera de TV mostrando “ao vivo para todo o Brasil”. Inclusive para o Lindemberg. Até emissoras de rádio detalhavam o que os policiais estavam fazendo e, principalmente, o estavam planejando fazer. Até um radinho de pilha ou um FM de celular já bastavam para informações.

Basta verificar a postagem anterior neste blog: a própria polícia ficou incomodada com a atuação da grande mídia. Lindemberg foi elevado à categoria de “astro” em alguns programas de entretenimento espalhados pela TV e apresentadores de fofocas e trivialidades agiam como negociadores da polícia. Algo deplorável que rendeu pontos no famigerado IBOPE. Certamente urubus do naipe de Sônia Abraão, Brito Jr, Datena e tantos outros comemoraram um ou outro pontinho a mais.

Esperava-se que Isabela Nardoni deixasse algumas lições. Deixou, mas diante dos pontinhos do IBOPE e da “exclusividade”, às favas qualquer bom senso!

A IMPRENSA
O depoimento da garota Nayara, sobrevivente do seqüestro, promete uma reviravolta neste caso. Aliás, Nayara é “peça-chave” para que se comece a apurar algumas responsabilidades que levaram à morte da garota Eloá.

Pra começar, o pai de Nayara reafirma categoricamente, para quem quiser ouvir, que não deu autorização para a garota retornar ao cativeiro e, pior, isso foi considerado pela polícia como “estratégia de negociação”. No entanto, o pai de Nayara não é ouvido. Ficamos com a “versão oficial” do coronel da PM falando sobre tal estratégia ( condenada por todos os especialistas ou pessoas ligadas à segurança).

Agora, Nayara afirma que Lindemberg só atirou nas duas garotas QUANDO a polícia invadiu o apartamento, contradizendo a “versão oficial” da polícia.

E o que a imprensa tem a ver com tudo isso? Muita coisa. Primeiro existe, sim, uma tentativa em poupar a polícia paulistana e os comandantes da operação de falhas grotescas ocorridas na ação.

Tudo aconteceu muito rápido: a crise entre polícia militar e polícia civil em SP com direito a uma das mais lamentáveis e chocantes manifestações já vistas e o terrível desfecho em Santo André.

Segundo, as questões se segurança pública, de alçada estadual. É blindagem total ao governo Serra, que acalenta o sonho de ser presidente da República e não esconde isso de ninguém. O desespero de José Serra durante a manifestação das polícias foi tão evidente que a primeira coisa que ele fez foi culpar o PT e o deputado Paulinho da Força Sindical pelo o que aconteceu.

Marta Suplicy, que cometeu uma cagada imensa com sua tática burra e preconceituosa em questionar a vida pessoal de Kassab (embora a VEJA também tenha feito suas perguntinhas capciosas para o candidato a prefeito), relaxou e gozou com o desequilíbrio do governador Serra.


Para a “crise mundial”, “especialistas” do porte de Miriam Big Pig se debruçam e tentam “analisar a fundo” os números da economia global e como isso vai quebrar o país. As frases do presidente Lula são esmiuçadas cuidadosamente, lidas e relidas para que se pegue “alguma besteira” (embora isso não seja difícil e o presidente solte lá suas pérolas de vez em quando).

Porém as graves crises nas áreas de segurança e educação que acontecem no governo José Serra não merecem “análises a fundo” e ninguém esmiuçou cuidadosamente a trapalhada que o governo de SP fez ao anunciar a morte da menina Eloá. Foi patético e cruel com a família e com os amigos: Eloá morreu. Eloá não morreu. Globo anuncia morte de Eloá; Globo anuncia que Eloá não morreu. Record News só aguarda confirmação da morte; Record News desmente.

Espera-se, agora, que Nayara não tenha sua opinião “mudada”. E que o pai da garota seja ouvido, também, mas não por urubus de entretenimento vespertino. Que não fiquemos apenas com a “versão oficial” da polícia e do governo. E que as eleições no próximo domingo não sejam empecilho para que as versões sejam confrontadas e chegue-se à verdade.

A ATUAÇÃO DOS BLOGS
Embora a população brasileira ainda não tenha acesso em larga escala à internet e muito do que é acessado na grande rede seja entretenimento e bate-papo, a atuação dos blogs é muito importante para que não exista apenas a “palavra oficial” da assessoria de imprensa governamental repetida pela grande mídia que joga com uma camisa e esta camisa não é a da informação com credibilidade, como gostam de propagar.

A partir da leitura de várias opiniões em blogs pode-se formar debates, discussões, obter pontos de vista diferentes, concordar, discordar, enfim, criar o primeiro passo para uma massa crítica com o vizinho, com os amigos...disseminar informações e questionar certos posicionamentos da grande imprensa.

E já está mais do que na hora.

INDICO
Há interessantes artigos na rede. Selecionei alguns que julgo valer a pena a leitura. Que algum tenho certo exagero ou seja contido, não importa. Leia, critique, concorde, discorde, repasse, dissemine. O importante é não ficar impassível diante do que vem acontecendo.

Crônica de uma tragédia anunciada :

A mídia e o seqüestro em Santo André

Nayara diz que Lindberg atirou após a invasão da polícia

Tragédias paulistas e paulistanas

O seqüestro: é você sob a mira de um revolver

Cidadania.com

O estatuto da criança e do adolescente e o seqüestro em Santo André

Sucesso, estilo, competência e um bom trabalho!


Matamos Eloá


Secretário de segurança: "É uma imensa infelicidade" (blog Josias de Souza)


Mídia foi criminosa e irresponsável"

8 comentários:

  1. Um texto equilibrado e real. A maioria da imprensa paulista parece estar numa cruzada pró-defesa inacreditável.

    Dizer que o trabalho da polícia foi "bom" e que "se fez o possível" é algo absurdo e que contribui para que o verdadeiro problema não seja encarado de frente. E, logicamente, para que as coisas se repitam.

    PS: Nais uma vez, agradeço a citação.

    ResponderExcluir
  2. Serra "não sabe brincar". Digo isso porque ele não consegue reagir muito bem a qualquer crítica.
    E a atuação da mídia foi beeem VA.

    ResponderExcluir
  3. Esse caso teve uma somatória de erros que culminou com a morte da menina.
    Este artigo do *Comunique-se* demonstra que é possível SIM punir a mídia em casos como este.


    http://www.comunique-se.com.br/index.asp?p=Conteudo/NewsShow.asp&p2=idnot%3D48999%26Editoria%3D8%26Op2%3D1%26Op3%3D0%26pid%3D42394810000%26fnt%3Dfntnl

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Acho que o Superior Tribunal de Justiça mudou de local(apesar de, no local em que está, não funcionar muito bem.....hauhauah)porque os canais de televisão, Record(IURD),PLIN PLIN, Band etc.., já escolherem seus culpados faltando apenas a condenação e a devida sentença...
    No caso do sequestro e mais precisamente citando a ação da Polícia, creio que já condenaram o G.A.T.E. previamente, mas com o meu pézinho na Segurança Pública eu digo que não há nada parecido com o medo que os próprios soldados e oficiais que fazem parte das equipes táticas e são treinados a exaustão, tem na hora de executar uma ação de resgate de reféns, eles são humanos e não máquinas, exaustão não quer dizer que não cometam falhas, mas a pressão da mídia pelo sangue derramado tenho certeza que não ajudou em nada, como eu já trabalhei na Febem-SP eu já estive dos dois lados, já fui refém por diversas vezes e já participei de resgates a colegas de outras Unidades que estavam tomadas pelos jovens marginais, e lá muitos funcionários já morreram, mas isso não dá IBOPE então não tem importância, eu estou com o G.A.T.E. pois é preciso ter muito peito para arriscar a própria vida em favor de outrem....
    Houveram erros, uma jovem morreu, coisa que não deve ser tolerada por nada nesse mundo mas, quem é o sequestrador?....quem é o bandido?....o G.A.T.E.?....Tive hoje a oportunidade de ler a coluna do Clóvis Rossi na "Folha" e ele foi bem feliz em dizer que nos acostumamos a muito tempo com a barbárie, o povo se encontra em um estado de dormência, invertendo culpados, assistindo o deterioramento das Instituições e das pessoas, deixando que televisão dê sua sentença e assistindo tudo na "maior calma", pois o que se passa na televisão não parece com a vida real?.....até que aconteça com você, comigo.....E VIVA A DEMOCRACIA TORTA DO BRASIL...

    ResponderExcluir
  7. Sociedade do espetáculo.
    Vivemos assim. Os parâmetros são os piores, as mentes especulativas. As palavras e atos discutíveis.
    Vivemos com medo de sermos culpados por ações que achamos que não cometemos e metemos os pés pelas mãos.
    A sociedade é feita por pessoas, não é?
    E quem faz da sociedade esse circo?
    Taí a resposta pra tudo.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Na sexta-feira, em seu artigo vc já alertava para o que a imprensa faria. o datena, numa das vezes que o ouvi em um bar, já avisava também que a imprensa tinha que se afastar do caso e deixar o negócio com o grupo e o Lindenbergue. Eles deviam ter assistido Um dia de cão, com Al Pacino e acho que com Robert Duvall. Primeira coisa que fizeram: estabelecer o contato só com a polícia. Mas não é essa a onda da polícia brasileira, querem sempre aparecer. e a cada hora motivava lindenbergues e Eloás por aí, para fazerem o mesmo. Isabella ficou sem respaldo, eles tinham que encontrar algo assim. Parabéns, conseguiram sucesso momentâneo.
    Obrigado groo, pelas suas dicas e artigos seus!

    ResponderExcluir

Agradeço sua visita e o seu comentário! É sempre bom receber o retorno dos leitores.

Todas as opiniões são livres, porém não serão aceitos comentários anônimos e tampouco comentários ofensivos, discriminatórios e que não prezam pelos princípios da boa convivência - o autor do blog reserva a si o direito de excluir comentários com tais temas.

Volte sempre! =)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...